Notícias

Massagista de Xanxerê é Preso por Suspeita de Abusar de Cliente Durante Atendimento

Um massagista de 46 anos de Xanxerê, no Oeste de Santa Catarina, foi preso preventivamente na sexta-feira (28) por suspeita de crimes sexuais contra uma cliente. Segundo a Polícia Civil, o homem teria abusado da mulher durante uma sessão de massagem em junho deste ano. As autoridades estão investigando a possibilidade de haver outras vítimas.

A Delegacia de Proteção à Criança, ao Adolescente, à Mulher e ao Idoso (DPCAMI) foi responsável pela prisão. O suspeito está sendo investigado por violação sexual mediante fraude, um crime previsto no Código Penal com pena de dois a seis anos de reclusão.

De acordo com os investigadores, o massagista teria introduzido um dedo no órgão genital da vítima e continuado o ato mesmo após a mulher pedir que parasse, o que resultou em sangramento.

O suspeito já estava em regime aberto por uma condenação anterior relacionada a um crime sexual semelhante. A data do primeiro crime não foi informada. A prisão preventiva foi solicitada e aprovada pela Justiça para evitar que ele cometa novos crimes.

As investigações estão em andamento, e a polícia ainda não divulgou informações sobre a quantidade de possíveis outras vítimas.

Entendendo a Violação Sexual Mediante Fraude

De acordo com o Código Penal, a violação sexual mediante fraude ocorre quando alguém pratica conjunção carnal ou outro ato libidinoso com outra pessoa através de fraude ou outro meio que dificulte ou impeça a livre manifestação de vontade da vítima. Diferente do estupro, este crime não envolve ameaça ou violência.

Visitante

About Author

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode gostar

Notícias

Foragido pela morte de delegado aposentado em bar morre em confronto com a polícia em SC

Um dos dois foragidos investigados pelo latrocínio de um delegado aposentado em um bar de Criciúma, no Sul catarinense, foi
homicidio-sao-jose
Notícias

Empresário de salões de beleza de luxo é suspeito de matar a tiros cliente de bar em SC

Um cliente de uma loja de conveniências foi baleado e morreu em São José, na Grande Florianópolis, após uma discussão