Publicado há 1 semana atrás | Atualizado em 12/10/17 às 07:10

Rede Feminina orienta mulheres sobre o Autoexame

O Câncer de Mama é o principal foco do Outubro Rosa, campanha que busca conscientizar as mulheres sobre a importância da prevenção. Pensando nisso a Rede Feminina de Combate ao Câncer de Ibirama tem intensificado as orientações sobre como ele pode ser evitado e detectado em estágio inicial de forma rápida e fácil, principalmente através do autoexame.

A presidente da RFCC de Ibirama, Cintia Catafesta Francisco revela que além de panfletos informativos, a entidade possui em sua sede um simulador de mama para ensinar o autoexame. O equipamento chamado Mamamiga imita o seio feminino e mostra quatro estágios.

“A primeira parte é totalmente normal, a segunda com grânulos que podem indicar alguma anormalidade, a terceira com pequenos nódulos que se movimentam e a quarta com nódulos duros que alertam para a importância de procurar um médico imediatamente. Utilizamos essa ferramenta para mostrar as mulheres a diferença que pode ser percebida durante o autoexame.”

Ela lembra que a orientação é de que as mulheres levem uma vida saudável no que diz respeito a alimentação e exercícios físicos e façam o autoexame todos os meses. Para fazê-lo é necessário seguir três passos principais que incluem a observação em frente ao espelho, palpação da mama de pé e a palpação deitada. “A mulher deve observar se percebe algum nódulo, se ela encontrar algum deve procurar um médico o mais rápido possível”, explica.

Outra orientação importante é que as mulheres façam a mamografia a partir dos 40 anos de idade. “A mamografia é um direito das mulheres e pode ser realizada pelo Sistema Único de Saúde (SUS) uma vez ao ano”, completa Cíntia.

TEXTO: Helena Marquardt