Publicado há 3 meses atrás | Atualizado em 16/08/17 às 09:08

Memória turbinada

Exercícios para o cérebro desenvolvem mais concentração e raciocínio

Como um urso dentro de uma caverna, no conforto, esperando o inverno chegar. A denominação do estudante, Gabriel Passos, para a vida que levava seria cômica, se não fosse preocupante. “Era muito preguiçoso, não me interessava pelos estudos. Na verdade eu ignorava, tirava notas baixas e estava sempre desestimulado. Meu interesse era apenas nas aulas de educação física, no final de semana e, outras coisas que eu adorava”, lembra ele, que buscou no Método Supera, franquia que investe em exercícios para o cérebro, um novo estilo de vida.

Não é difícil encontrarmos pessoas como Gabriel. A falta de foco, os bloqueios criativos e até mesmo os lapsos de memória são frequentes e podem ir aumentando com o passar dos anos. A boa notícia é que isso tem solução. Os exercícios para o cérebro, por exemplo, são capazes de desenvolver mais concentração, raciocínio e tem o poder de turbinar a memória em qualquer fase da vida.

Manter a mente intelectualmente ativa é um desafio. Foi pensando nisso que a empresária, Elizene Salvador, investiu no Método Supera. A franquia, que está chegando a Rio do Sul, aposta na ginástica cerebral como saída para uma vida muito mais produtiva em todas as idades. “Assim como as atividades físicas contribuem para o bom funcionamento do organismo, os exercícios para o cérebro ajudam a manter a saúde mental. O Supera vem com esse objetivo, de estimular a mente para que seja muito mais ativa e produtiva”, destaca a empresária.

Mente ativa na terceira idade

Manter a mente intelectualmente ativa é um desafio, especialmente para as pessoas idosas. Geralmente aposentadas, elas perdem o costume de resolver situações que exigem esforço intelectual. À medida que a idade avança e o corpo envelhece, a memória tende a ficar mais fraca e imprecisa o que pode, por vezes, impedir de realizar até mesmo tarefas básicas como ir às compras, pagar contas e comparecer a compromissos.

Com o aposentado, Sidney Sendko, foi isso que aconteceu. Segundo ele, com o advento da aposentadoria houve um acomodamento e o início de perda de algumas habilidades cognitivas. “Precisei buscar ajuda para voltar a ser ativo. Ao fazer o Supera, em poucos meses não só houve uma recuperação daquelas habilidades como também uma potencialização da memória, poder de decisão, observação e raciocínio logico”, ressalta o aposentado, ao destacar que o conceito de que o cérebro nunca pode parar, está hoje entre as suas prioridades.

Sobre o Supera

Criado em 2006, o Método Supera já é considerada a maior rede de escola de ginástica para o cérebro do Brasil. Em apenas um ano de operação, entrou para o sistema de franquias e atualmente já possui mais de 200 unidades no país.  Em breve, Rio do Sul também contará com uma unidade, que trará para todo o Alto Vale novas possibilidades quando o assunto é a potencialização da mente, através de uma metodologia exclusiva e inovadora, que alia neurociência e educação.

A inauguração está marcada para os dias 12 a 16 de setembro, na rua Marechal Rondon, 251, Jardim América, próximo à Unidavi, em Rio do Sul. “Será uma semana com programação diferente, com agendamento de aulas grátis, para que as pessoas conheçam a escola e o nosso método”, finaliza a empresária.

Conheça mais em: www.metodosupera.com.br